DIÁRIO DE VIAGEM DO JORNALISTA NUNO FERREIRA (EX-EXPRESSO, EX-PÚBLICO) QUE ATRAVESSOU PORTUGAL A PÉ ENTRE FEVEREIRO DE 2008 E NOVEMBRO DE 2010. O BLOG INCLUI TODAS AS CRÓNICAS PUBLICADAS NA REVISTA "ÚNICA" EM 2008, BEM COMO AS QUE SÃO PUBLICADAS SEMANALMENTE NO SITE CAFÉ PORTUGAL. (Travel diaries of Nuno Ferreira, a portuguese journalist who crossed Portugal on foot from February 2008 to November 2010. contact: nunoferreira62@gmail.com ou nunocountry@gmail.com

19/12/11

CLIQUE AQUI PARA COMPRAR O LIVRO

1 comentário:

Alexandre Gaspar Weytjens aka JLC disse...

Olá Nuno,
Acabo de ler o seu "Portugal a Pé" e adorei. Já tinha lido tudo do Gonçalo Cadilhe, do Miguel Sousa Tavares, gosto de Bruce Chatwin, do Paul Theroux, de livros de viagens em geral. Já tinha algumas crónicas do Portugal a Pé no jornal mas, como moro no estrangeiro, não apanhei todas. Assim que o seu livro saiu e pude que alguém mo comprasse, devorei-o em dois dias, não resisti. Gostei da sua aventura pela província profunda, pelo país real, como agora se diz, o desmistificar da tal "hospitalidade" que dizem que é natural nos portugueses. Afinal, como eu próprio já o vivi, os portugueses tanto sabem ser acolhedores e hospitaleiros como provincialmente carrancudos e desconfiados. Gostei do seu mapa do país, longe das grandes urbes, há mais Portugal do que o do Terreiro do Paço, a um Portugal a agonizar longe da capital, mas também a encontrar soluções geniais para (sobre)viver. Gostei de como conta as situações que viveu, da radiografia às gentes, dos bons momentos e das situações extremas, algumas acho que podia ter falado mais pessoalmente até em certas situações. Diz às tantas que leva livros na mochila, eu gostaria que tivesse falado mais dessas leituras e das suas viagens interiorees :-) Gostei do seu capítulo-confissão onde se entrega ao leitor. Acho que é preciso muita coragem para se ser sincero com quem nos lê.
Também sou jornalista, e por isso sei e dou valor a este trabalho que ainda ninguém tinha feito e no qual o Nuno foi pioneiro.
Fico a aguardar pacientemente a sua ida aos Açores (força!) e de, quem sabe, poder encontrá-lo um dia para poder autografar o meu exemplar do Portugal a Pé ;-)

abraço,
José Luís Correia
(ou A.G.Weytjens)

 
Site Meter